Posts

Gloss L’Oreal Color Caresse Aqua/Wet Shine Stain – a versão “de farmácia” do gloss YSL

DSCN3839

Quando publiquei a resenha do gloss  Rouge pur Couture da YSL – um dos melhores que já usei – uma leitora, a Daniela, deu a dica que a L’Óreal tinha uma “versão de farmácia” deles.

[Para quem ainda não sabe, a YSL pertence à L’Óreal]

Descubra um lip stain que tem efeito de gloss. 

Hidratação e brilho com durabilidade e tons translúcidos.

Colour Caresse Wet/Aqua* Shine Stain combina o poder de durabilidade de um lip stain com o acabamento de um gloss. A nova geração de lip stain foi formulada  com uma combinação de óleos hidratantes de textura leve, somados a pigmentos concentrados, que oferecem cores duradouras e um acabamento brilhante. Com 30% de água em sua composição Colour Caresse Wet Shine Stain deixa os lábios lisos, macios, com sensação agradável e 6 horas de duração.

Disponível em 12 tons.

Preço médio: U$ 10 (EUA e Europa)

*Em alguns países ele leva o nome de Colour Caresse Wet/Aqua* Shine Stain

Produto não disponvível no Brasil

 

Tenho cinco tons:

 

Da esquerda para a direita: Lilac Ever After (185), Berry Persistent (186),  Coral Tattoo (188), Pink Rebellion (189) e Eternally Nude (193)

 

Nos lábios:

 

Lilac Ever After (185):

Camada leve

Este tom fica totalmente transparente se você tentar a aplicação como”lip stain” 

Camada intensa, com cor plena e pigmentação total

 

Berry Persistent (186)

Camada fina usada como “lip stain”

 

Camada intensa, com cor plena e pigmentação total.

Coral Tattoo (188):

 

Camada fina usada como “lip stain”

Camada intensa, com cor plena e pigmentação total

Pink Rebellion (189):

Camada fina usada como “lip stain”

Viram como fica praticamente transparente? O mesmo acontece com o Lilac Ever After (o primeiro que fiz swatch, acima)

 

Camada intensa, com cor plena e pigmentação total

 

Eternally Nude (193):

Camada leve

Este tom também fica totalmente transparente se você tentar a aplicação como”lip stain” 

Camada intensa, com cor plena e pigmentação total

 

Avaliação Geral:

Para quem ainda não conhece o gloss da YSL e, por consequência, este (que tem o mesmo efeito), vou explicar como é:

Tem três formas de uso desse produto:

– Você usa uma camada bem leve, que logo é absorvida: dá um efeito de “lip stainque é aquele batom que tinge o lábio de forma translucida e com alta durabilidade.

– Uma camada mais caprichada: efeito de gloss com acabamento translúcido e pouca cor.

Várias camadas sobrepostas: efeito de gloss virtificado e muita cor.

Tudo isso com uma textura que nada pegajosa, super hidratante, que deixa os lábios macios, lisinhos e com uma certa durabilidade.

Assim como o gloss “rico”, esse da L’Óreal tem a mesma textura deliciosa de usar.

Em termos de acabamento, efeito, pigmentação e durabilidade é, na minha opinião, praticamente idêntico ao YSL. Arriscaria a dizer que o L’Oreal é até um pouco melhor, porque o aplicador é mais confortável de usar e distribui o produto de forma mais uniforme, o que é melhor quando você quer a pigmentação mais intensa.

Algumas pessoas que já testaram os dois acham o L’Óreal levemente pegajoso comparado ao YSL. Os primeiros tons que comprei não eram assim. Acho que alteraram levemente a fórmula, porque os dois últimos que comprei são levemente mais pegajosos que os outros, mas, na minha opinião, nada excessivo (como os Lipglass da MAC, por exemplo).

 

Aplicadores: L’Óreal (esquerda) e YSL (direita)

 

Gostei bastante da cores que escolhi:

A Berry Persistent (186), que lembra  o batom Rebel da MAC.

Uso bastante na versão “gloss leve” mas, gosto mesmo do efeito que fica é depois aplicá-lo com cobertura intensa e, conforme ele vai saindo, deixa o efeito de lip stain que parece que você tingiu os lábios comendo uma amora.

A Coral Tattoo (188) é bem versátil tanto se usada como stain, quanto como gloss – que tem um tom lindo, a foto não faz jus a ele.

A cor Pink Rebellion (188) é a mais “básica” – a versão stain quase não confere tom, portanto, raramente uso desta maneira. Mas uso bastante como gloss, em uma camada mais fininha ou mais espessa (como na foto do swatch acima). Dá um ar de saúde aos lábios, sem ficar muito avermelhada nem pink demais. Rosinha na medida certa, com a vantagem de durar muito e hidratar bastante os lábios.

Já o Lilac Ever After (185) e o Eternally Nude (193) são ideais para quem procura um gloss mais nude com longa durabilidade. São os que ficam no bolso do meu uniforme de trabalho, já que são bem básicos e posso aplicá-los sem precisar de espelho.

Para quem já teve a oportunidade de experimentar ou tem algum dos YSL, esses da L’Óreal são igualmente “viciantes” uma vez que você usa ou experimenta, dá vontade de ter vários, por causa da cor, textura e de como ele deixa os lábios.

 

Infelizmente, esses glosses não chegaram ao Brasil – acho que nem chegarào, já que atualmente pouco vejo a linha de maquiagem da L’Oreal à venda por aqui.

O meu primeiro, o Berry Persistent, encomendei à Eviane (do site As Vaidosas), que estava de viagem marcada.

O Coral Tatoo e o Pink Rebellion comprei com um vendedor no ebay que tem todos os tons e envia para o Brasil:

Link do vendedor no ebay: clique aqui

 

Cada gloss custa cerca R$ 30 com o frete. Comprando mais de um tom, o valor do frete do segundo produto sai mais barato. Acho que compensa, uma vez que cada gloss YSL aqui custa entre R$ 99 e R$ 150 aqui no Brasil. No free shop custa U$ 30. Quer dizer, cada gloss da L’Oreal sai por pelo menos  metade do preço YSL no free shop.

 

Se você vai aos EUA, melhor ainda, porque consegue comprar cada gloss a partir de U$ 7, dependendo da farmácia.

Os tons disponíveis na coleção inteira desses glosses são:

Crédito das imagens: blog Life’s Entropy

 

Espero que gostem da dica. Mais uma vez, obrigada à leitora Daniela pela indicação do produto. 😉

 
 Política de conteúdo e divulgação: 
Os produtos e serviços resenhados e mostrados no DZLBLOG pertencem à autora ou são cedidos pelas empresas ou estabelecimentos em cartáter de cortesia e/ou divulgação. 
As considerações feitas sobre os produtos e serviços testados/mostrados refletem as reais opiniões da editora.
Em caso de publicidade, os referidos posts levarão as "tags" #ad ou publieditorial.

2 Comentários

  1. basemaniaca

    27 de janeiro de 2014 em 20:02

    Oi Clau!

    Lindas cores!!
    Ainda não tinha experimentado fazer uma camada mais intensa… adorei a dica!!

    Beijos

  2. Mel

    23 de junho de 2013 em 00:35

    Clau, muitoooo obrigada pelo post caprichado! Amei! Vc salvou a minha vida, pois sou apaixonada pelos YSL, mas são muito caros!!!! Vou pedir umas cores no ebay!!!!

    Vc arrasou!!!!

    Parabéns!!!!

Deixe sua opinião ou comentário