Posts

Lipbalms (protetores e reparadores labiais)

Já disse, mostrei em vídeo e vivo dizendo aqui o quanto adoro balms (protetores) labiais . Chega a ser um vício. Toda hora aparece alguém dizendo que tem um que melhor e aí quero testar.

[Bem, queria, mas explico isso melhor no decorrer da matéria]

Tenho a péssima mania de ficar arrancando “pelinhas” que se formam nos lábios, com os dentes. Além de um péssimo hábito, soube que isso pode dar até câncer de boca. Fiquei apavorada e aí mesmo que não vivo sem um lipbalm por perto.

Por isso, tenho vários: um na bolsa, um no banheiro, perto das maquiagens, um mais potente…

Já usei todas as marcas possíveis: o famoso moranguinho da Avon, Chapstick (o primeiro da minha vida, conheci durante uma viagem aos EUA, quando tinha 17 anos. Hoje em dia ele me dá alergia), Biotherm (o cheiro me deu enjoo), Blistex (odeeeio aqueele “efeito vick” dele) e até um feito com a folha da maconha (acreditem!) da The Body Shop – que detestei o cheiro e não hidratou nada.

Depois de tanto rodar e testar estou com estes cinco da foto, que tão logo uns forem acabando, se reduzirão a apenas três.

Contarei a vocês quem são os favoritos e ficarão e os que não mais retornarão ao meu nécessaire:

1 – Aqua Fusion Lèvres, Lancôme:

Esse comprei em uma “emergência”, durante uma das viagens à fronteira com o Uruguai.

Estava muito frio, meu lábios chegavam a arder de tão secos – já estavam até feridos – e havia deixado o meu protetor em casa. Experimentei essa da Lancome e acabei levando para casa.

Tem uma textura semelhante a do gloss (sem ser pegajoso), hidrata bastante e tem cheirinho de melão (que pode incomodar algumas pessoas) e aplicador de tubinho, com dosador, muito prático.

Tem efeito “plump” – deixa os lábios mais carnudos.

A desvantagem: tem um tom meio azulado que te deixa com cara de morta. Só dá pra usar em casa mesmo. Não sei se na foto dá para ver a cor:


É um daqueles que quando acabar, acabou. Foi bom enquanto durou, porque já encontrei o meu favorito.

Preço: U$ 18 (free shop e exterior) e R$ 82 (Brasil)

2- Hydra QuenchBaume Lèvres Réparateur, Clarins:

Sempre quis muito conhecer esse balm, que é unanimemente bem cotado no Makuepalley.

Procurei muito no Uruguai, sem sucesso, até que na minha viagem aos EUA, em dezembro finalmente consegui comprá-lo.

Sem dúvida, é o melhor lipbalm que já usei. Hidrata muito – você percebe na hora – deixa uma sensação de lábios hidratados por muito tempo e não é pegajoso, apesar da textura de gloss. Protege muito, inclusive dos efeitos do frio intenso e recupera os lábios rapidamente.

Um pouquinho já é o suficiente.

Detalhe do aplicador:


Ganhou meu coração para sempre! Uso todas as noites, antes de dormir e quando a situação de ressecamento está feia.

Preço: U$ 25 (Free Shop, exterior. Vale o preço) ou R$ 74 (Brasil, na Sépha)

3 – Lip Conditioner, Caudalie:

Outro que havia lido maravilhas à respeito. Hidrata bastante, não é nada pegajoso e tem aplicador em forma de bastão, ideal para quem não gosta de balms com textura de gloss.

Gosto muito de usá-lo antes da maquiagem porque a textura fina dele deixa apenas uma camada fina que não interfere muito na aplicação do batom.

Preço: U$ 12. Só está à venda no exterior, mas você compra na Cosme-de, que entrega aqui. Sai a R$ 21, frete grátis e rastreável.

4- Nivea Lip Care Repair and Protection:

É o “baratex” da turma. Gosto muito do da embalagem azul (Essential), mas este é mais sequinho e não interfere se aplicado por baixo do batom ou gloss.

Aplicador em bastão.


É o que vive na minha bolsa. A versão Essential (embalagem azul) é a única que os maridos usam sem reclamar (haha). Tanto que o meu “sumiu” – advinhem onde deve estar nessa época da seca….rs

5- Rosebud Salve, Smith & Co:

É o querido de muitas blogueiras e “makeup lovers”e já ganhou matéria especial aqui no blog.

É muito bom, tem cheirinho de rosas e não serve apenas para hidratar os lábios. Serve para cortes, rachaduras, queimaduras e até assaduras de bebê!

Só achei que não hidrata muito em caso de frio extremo. Não deu conta das baixas temperaturas do inverno americano, mesmo reaplicando toda hora.

Desvantagem: ter que aplicar com o dedo ou pincel. Na verdade, isso não me incomoda muito, já que álcool gel vive na minha bolsa.


Não é o favorito, mas fica 2º lugar.

É o que uso antes da maquiagem em épocas mais frias e secas (após a aplicação, retiro o excesso com um lenço de papel).

Preço: U$ 6 (Sephora) ou na faixa de R$ 35, com as meninas das encomendas.

Quem vai e quem fica?

Lancome e Caudalie se vão para sempre quando acabarem.

Clarins, Nívea e Rosebud ficam. Um na cabeceira da cama, outro na bolsa e outro entre as maquiagens.

 

 Política de conteúdo e divulgação: 
Os produtos e serviços resenhados e mostrados no DZLBLOG pertencem à autora ou são cedidos pelas empresas ou estabelecimentos em cartáter de cortesia e/ou divulgação. 
As considerações feitas sobre os produtos e serviços testados/mostrados refletem as reais opiniões da editora.
Em caso de publicidade, os referidos posts levarão as "tags" #ad ou publieditorial.

11 Comentários

  1. Luiza

    17 de julho de 2010 em 18:48

    Adorei as dicas, mas acho que tu esqueceu de citar o melhor de todos os tempos: o Ceralip da La Roche Posay! É di-vi-no!

    1. Clau

      17 de julho de 2010 em 19:41

      Lipbalm é algo engraçado.
      Ceralip não fez NADA por mim, mas sei de muita gente q foi salva por ele durante o tratamento de roacutan.

      Eu sou uma pessoa difícil…ahahah

      Bjs

  2. Laura

    11 de julho de 2010 em 11:00

    Clau, eu demorei para achar um hidratante labial perfeito, mas encontrei o da nivea (rosa) que vem com oleo de jojoba, experimentei e pelo jeito, vai ser amor a primeira vista…

  3. Vone Flor *pg21*

    11 de julho de 2010 em 07:51

    Oi Clau,

    Sou super adepta aos baratex, então sempre tenho a manteiga de cacau, mas o cheiro enjoa um pouquinho e uso o Lip da Nivea, de morango, mas ele acrescenta cor vermelhinha a cor!

    Beijos

    Bom Domingo

    Tudo de Bom!

    *=)

    1. Clau

      11 de julho de 2010 em 08:03

      Eu usei muito manteiga de cacau. Mas quando soube que ela mais esfolia que hidrata e que é uma "hidratação falsa" já que apenas cria uma camada de gordura sobre os lábios, parei de usar e comecei com os balms da Nívea, que tem agentes emolientes neles.

      Bjs

  4. Priscila Caldas

    10 de julho de 2010 em 19:42

    Depois do Carmex, o lip balm verdinho da Nívea é o melhor e não sai da minha bolsa!!

    Bjuxx

    umamocabonita.com

    Pri

  5. Hellen Tavares

    9 de julho de 2010 em 10:14

    Adorei as dicas!!

    Experimentei o da nívea e adoro!!!

    Beijosss

    hellen Tavares

  6. Fla

    8 de julho de 2010 em 16:01

    Oi Clau, vamos atras dos esmaltes nacionais similares ao Rouge Fatale da Chanel- nova febre!Bjos

  7. Silvia

    8 de julho de 2010 em 08:06

    Oi Clau,

    Conheci o seu blog essa semana, desde q eu assisisti o seu video de favoritos esse balm da clarins virou minha obsessão rs

    Desses q vc tem eu só tenho o da nivea e o Rosebud q eu amo, mas realmente ele não é muito prático pra passar, mas pra isso tem também a versão em bisnaga.

    Outro nacional muito bom é o epidrat lábios, só q é um pouco caro para um balm, na faixa dos R$30,00. Mas ele realmente hidrata e tem FPS 30.

    Bjos.

  8. Bruna

    8 de julho de 2010 em 07:50

    Lipbalm é uma maravilha, sempre uso o meu aliado com o bepantol a noite …. e esse da Nivea comprei pro meu namorado e agora ele não dispensa mais!

  9. Jú Vasconcelo

    8 de julho de 2010 em 06:32

    Sou fanzona de lipbalm, tenho um em cada canto da casa rsrs

Deixe sua opinião ou comentário