Posts

Micos de beleza

Mulher faz de tudo para ficar mais bonita.

Só que algumas vezes a gente erra. Seja seguindo um conselho que leu ou ouviu, porque cismou que tem que mudar o visual, por inexperiência.

Esses dias me surgiu a idéia de contar para vocês as maiores besteiras de beleza que já fiz.

São elas:

1- Deixar um pouquinho de creme no cabelo depois de enxaguar:

Tudo bem que essa eu fazia quando ainda era uma adolescente, nos idos dos anos 80-90, quando não tínhamos opções de leave in no mercado.

Lembro que todos os sábados meu grupo de amigas se reunia na casa de uma de nós para cuidar dos cabelos, unhas. E no fim da hidratação sempre deixávamos um pouquinho de creme no cabelo acreditando que iria manter a hidratação.

HAHAHA

Eu me perdôo pela idade e inexperiência…


2- Cortar cabelo com hair designer:

Erro típico de mulher: achar q está com cara de “Madalena arrependida” e decidir cortar o cabelo com outro profissional, para fazer algo diferente.

Pois eu fiz isso, fui em um cara que se auto intitulava “hair designer” e entreguei meus cabelos nas mãos dele.

Resultado: o cara desfiou tanto meu cabelo que ficou uma cruza de Chitãozinho com Fiuk. Coisa linda.

15 dias depois tive que apelar para um corte Chanel na altura do queixo para tentar me livrar da tragédia. E o cabelo levou mais de ano para crescer novamente.

Se o sujeito se intitula “hair designer”, pode crer que isso significa que vai pirar na hora de cortar os seus cabelos.

São poucos os que entendem as necessidades das mulheres acima da vontade própria de criar “uma obra de arte capilar”- que em contrapartida faz você ficar refém dele para sempre.

Não caia nessa.

Quer mudar de salão? Procure um salão maior (não precisa ser famoso), que tenha vários profissionais e pergunte qual é o especialista no tipo de corte que você pretende (repicado, que corte bem cacheados…). Sonde se alguém já cortou com ele e tente até observá-lo em ação.

Funcionou comigo nesta última mudança de cabeleireiro.


3- Achar que fazer maquiagem usando os dedos dá o mesmo resultado que usando pincéis:

Se fosse assim, não existiriam tantos pincéis disponíveis no mercado.

Sem contar que o suor e a oleosidade natural da pele influenciam na cor, resultado, efeito e intensidade.

Dedos, só para aplicar sombra em creme e corretivo. E pontilhar o rosto com base.


4- Depilação com linha no rosto:

Quando comecei a fazer depilação da sobrancelha e buço com linha fiquei tão encantada com o resultado que decidi depliar  aqueles pelinhos finos que ficam na lateral do rosto.

Jesuuus como dói! Sem contar o nervoso do barulho da linha perto dos seus ouvidos.

E ainda fiquei empolada por dias.

Nunca mais na minha vida!

[Desculpa Gleizi, mas dói demais!]


5-Dar pitaco no trabalho do maquiador:

Você tem um evento ou casamento e decide usar os serviços de um profissional de maquiagem.

Quando chega na hora, você diz o que quer, cor da roupa, estilo da festa, mas decide que quer “deixar o seu toque pessoal”.

Eu fiz isso. Deixei o maquiador usar uma sombra que ficou bonita pessoalmente, mas que em fotos saiu azul royal. E há cinco anos atrás, azul royal nem era tão  mais “comum” como é agora.

Sorte que, escorpiana que sou, não me deixo abalar e soube “carregar” o azul como se estivesse usando um cinza normal.

[Só a Renata sabe que eu pirei…haha]

Se você vai contratar um profissional para te maquiar, escolha um que goste e confie nele.


6- Usar um produto para um propósito para outro diferente:

Há uns anos atrás um cabeleireiro disse na TV que recomendava usar hidratante corporal nos cabelos.

O pior: eu fiz isso! Claro que o resultado foram cabelos opacos e pesados.

Gloss de lábios nos olhos, vaselina como primer…

Se o produto foi feito para os olhos/boca/corpo, só deve ser usado para onde foi feito. Outros truques só funcionam em editoriais de moda.

E ainda se corre o risco de reação alérgica.


7- Fazer hidratação capilar no salão:

Essa é uma opinião minha, tá gente?

Acho que a gente gasta o valor equivalente a uma embalagem inteira do produto para fazer uma mísera hidratação no salão.

Sem contar que muitas vezes o salão ou profissional tem uma determinada “meta para bater” junto aos fabricantes, para ganhar prêmios, vantagens. O que em termos práticos significa: empurrar produtos.

Quando um profissional me sugere ou eu acho que meus cabelos precisam de uma hidratação diferente, tento sondar qual o tratamento, linha, como funcionaria, a aplicação, digo que vou pensar e fazer depois e procuro o produto em lojas.

Só faço em salão se o preço for especial ou se for algo revolucionário.


8- Dieta Líquida para perder peso:

Voltando de férias uma vez, decidi fazer uma dieta líquida de um dia, sugerida por uma nutricionista que cuidava de alguém da minha família.

O resultado foi fraqueza, dor de cabeça, mau humor e um desespero de comer tudo o que via na minha frente depois que a dieta acabou.

Dieta líquida só em caso de recomendação de médico ou dentista.

 

10 – Hidratação de pele e cabelos com “ativos naturais”:

Máscara com abacate, ovo e azeite para os cabelos, pepino batido com água gelada para o rosto…

Só fazem lambança e nem sempre o resultado é bom.

Hoje em dia com tantos produtos com ativos naturais presentes nas fórmulas, não precisamos mais fazer gororobas. Sem contar que no produto pronto o ingrediente vem na medida certa das necessidades da pele ou cabelos.

O saquinho de chá de camomila para desinchar os olhos está liberado. Esse ainda não encontrou um substituto à altura e não faz muita sujeira.

A argila para máscara também tem sinal verde.


11- Fazer luzes em casa:

Descoloração é um processo delicado e complexo, embora não pareça. A gente acha que é só separar a mechinha, aplicar o descolorante e pronto.

Até você passar produto demais em um ponto do cabelo e menos em outro, ficar manchado, parecendo um guaxinim.

Eu já acreditei muito no “do it yourself”. Até aprender que existe é a diferença entre um profissional do assunto e eu. Não é à toa que o cara é colorista e eu teacher/blogueira…rs



12- Óleo de semente de uva o cabelo para proteger os cabelos dos efeitos da praia ou piscina:

Teve uma época longínqua da minha vida que achei que o óleo de semente de uva era a solução para muitos dos meus problemas de beleza. Misturava ao hidratante corporal, ao creme de hidratação, passava direto no corpo…

Até que em umas belas férias, decidi que essa maravilha me ajudaria a proteger o cabelo da água do mar e piscina.

Não só não ajudou, como fritou os fios no sol. Voltei das férias com os cabelos mais ressecados que antes e a cabeleireira diagnosticou que o culpado era o óleo.

Óleos não devem ser usados para nada, em exposição ao sol.

Tá certo, Cristiano Ronaldo?

O sujeito se frita com óleo Johnson’s…

13- Permanente de Cílios:

Talvez essa tenha sido O maior mico de beleza.

Fui convencida a fazer pela dona de um salão que eu frequentava. Não sei se ela usou um bobe muito fino (que é essa tirinha branca da foto), só sei dizer que meus cílios ficaram literalmente crespos. Não conseguia aplicar máscara, nem passar lápis/delineador. Foram uns quatro meses de suplício, até o efeito acabar por completo.

Acho que permanente de cílios só funciona para quem tem cílios naturalmente longos. Ou se fizer usando um bobe mais largo.

Update: Depois que contaram os micos de vocês, lembrei de mais dois:

14- Fazer as minhas próprias sobrancelhas:

Numa dessas férias ou período de mudanças fiz essa graça e o resultado foi uma falha na sobrancelha direita que nunca mais foi coberta.

Tem gente que tem talento para fazer as sobrancelhas sozinha. Eu vim desprovida dele.

Na férias, eu dou um jeito de fazer com quem já conheça e saiba que é bom ou fico ogra mesmo. No máximo, tirar aqueles pelos isolados que ficam na área que a gente passa a sombra iluminadora. Perto de onde fica o desenho, nem pensar!

15- Fazer depilação com cera em casa:

Todo mundo tem uma época na vida que é está mais dura que um coco…rs

Pois numa dessas épocas de estudante, uma prima e eu decidimos que o que a depiladora fazia era muito mole e começamos a depliar meia perna em casa, com aquelas folhas já com cera.

Nela deu super certo. Já em mim, resultou na retirada da camada córnea da pele. Minha pele ficou muito sensível e até meio enrugada em alguns pontos. Demorou um tempão para recuperar a elasticidade natural e por sorte, não ficaram manchas.

 

Dividi aqui os meus “micos de beleza”. Agora quero ler os de vocês!

42 Comentários

  1. maria luiza

    21 de setembro de 2012 em 16:25

    Essa do hidratante eu ja usei algumas vezes, porquê dizem que tira o frizz, mais pra mim não adiantou nada, não melhorou nem pirou.

  2. Laila

    15 de agosto de 2012 em 10:23

    hahahaha…
    Acho que meu pior mico foi quando passou na TV o CORTE À VELA…
    Resolvi fazer esse corte…
    pega mechas de cabelo, enrola e passa o fogo da vela pra tirar os frizz…
    Infelizmente qdo passei fogo na minha franja.. subiu uma labareda perto daqueles fiozinhos mais curtos da testa…
    no desespero soltei o cabelo q tava enrolado e PUF… fikei com a franja toda chamuscada!!! hahaha…

    Isso aconteceu em dezembro… e até agora to esperando minha franja crescer…

    Costumo cortar meu cabelo… descolorir… inventar coisas novas… não tenho receio de ficar feia…
    acho q temos q nos conhecer bem.. sem medo de errar..
    Pq antes NÓS errarmos em nosso cabelo dq pagar pra ALGUÉM errar! 😉

  3. laiane

    31 de julho de 2012 em 12:17

    OI,CLAU,EU JÁ FIZ MUITAS DESSAS,RSRSRS
    A ULTIMA FOI QUE A ALGUNS MESES RECEBI UMA PROPOSTA DE UMA AMIGA CABELEREIRA PARA EU PODER FICAR LOIRA,LOGO EU, QUE SEMPRE COLORI MEUS CABELOS DE PRETO AZULADO,AÍ FOI O PERIGO. SEMPRE TIVE MEDO DE DEIXAR OUTROS MEXEREM EM MEUS CABELOS QUE MODESTIA A PARTE SEMPRE FORAM LINDOS.AI RESOLVI EU MESMA FAZER, DESCOLORI 3 VEZES SEGUIDAS, NA PRIMEIRA ME PUSERAM O APELIDO DE CABELO DE BUMBUM DE MACACO, POIS MEU CABELO FICOU TRES CORES : NA RAIZ LOIRO(MEU CABELO VERDADEIRO É CASTANHO CLARO),NO MEIO FICOU LARANJA E NAS PONTAS VERMELHO E HORRÍVEL,LÁ FUI EU ,OUTRAS 2 VEZES DESCOLORIR MEU CABELO NÃO PODIA NEM PENTEAR QUE ESTRALAVA OS FIOS SE QUEBRANDO,NOSSA … NEM GOSTO DE LEMBRAR CHOREI DE DÓ DE MEU CABELINHO ME SENTI A CAMILA DE “LAÇOS DE FAMILIA”. HOJE JÁ ESTÃO MAIS OU MENOS BONITOS MAS NÃO CHEGA NEM PERTO DO QUE ERAM ANTES DESSE DESASTRE…RSRSRS
    BEIJOS A TODAS.

  4. Keesha Hildago

    12 de janeiro de 2011 em 19:09

    I like the helpful information you provide in your articles. I'll bookmark your weblog and check again here regularly. I am quite certain I will learn lots of new stuff right here! Best of luck for the next!

  5. Aline de Gouvea Mell

    26 de agosto de 2010 em 14:46

    Resolvi fazer o alisamento Xtenso num salão mais barato. Já usava o produto havia 5 anos, desde o lançamento, então achei q não tinha problema. Economizei R$150,00 no procedimento, só meus cabelos se esfarelaram e lá se foram uns R$3mil pro colocar o mega hair. Tenho fotos de como ficou o cabelo depois da tragédia e não gosto de lembrar, sofro até hoje.

  6. Adriana

    13 de agosto de 2010 em 15:45

    Genteeeeeeeeeeee vibe chinbinhaaaaaa MORRI!!!!!!!! hahaha

    nossa, achava q coisa ruim só acontecia cmg hehe

    beijao, adorei Clau

  7. Sandra Escobar

    10 de agosto de 2010 em 19:12

    Meus micos de beleza mais marcantes : colocava anticoncepcional dentro do shampoo (que nem me lembro mais qual era a "função") e certa vez enchi a mão de água oxigenada e taquei na franja – numa vive Chibinha …KKKKKKK fase das trevas

  8. Natasha Moraes De Ro

    7 de agosto de 2010 em 22:20

    Eu já fiz inumeras cagadas… principalmente no cabelo. Eu preferi investir num curso de cabeleireira, e eu pesquiso muito… sou TOTAL adepta do Do it Yourself… única coisa mesmo que eu faço é procurar salão pra corte…

    Por exemplo, sobrancelha eu faço em casa, mas já fui de raspar com gilete e desenhar com lápis depois, e a designer de sobrancelhas disse que eu tive muita sorte dela crescer denovo… deixei ela ajeitar minha sobrancelha, e hoje só limpo com a pinça em casa.

    Luzes eu mesmo com curso de cabeleireira não consigo fazer em mim mesma sozinha, a solução é comprar aquelas toucas com furinhos e pedir pra alguém puxar pra você os fios antes de pintar…

    Agora o MAIOR mico que de beleza foi quando eu namorava um cara de outro estado, e ele vinha naquele dia, e eu resolvi fazer um dia de beauté em casa com uma amiga minha… comprei cera pra depilar as partes intimas… menina… eu passei aquilo lá mesmo, e depois que eu não tinha coragem de puxar… minha amiga filmou a minha cara bem na hora da situação, ela queria me ajudar, disse que ia puxar, mas o negocio não saía… olha, foi um suplicio… eu tive que lavar com muita agua morna pra cera derreter e sair… foi um pesadelo!

  9. Inez BsB

    7 de agosto de 2010 em 17:23

    Estou rindo muito !!!!

    Meus micos até que foram bem " passáveis"….

    Após uma briguinha boba com minha cabelereira fui a um cabelereiro super famoso, com renome nacional, que tem sua base aqui em bsb….foi meu pior desespero…paguei uma grana e fiquei super insatisfeita….

    Até hoje mantenho um ' vinculo' com uma cabelereira legal, sem fama mas que me entende, e com quem eu tenho a coragem de ir cortar sem minhas lentes de contato (e tirar os óculos), com ela eu simplesmente fecho os olhos e deixo ela brincar com minhas madeixas, isso já faz 27 aninhos de convivência harmônica. Estou com medo dela aposentar e me deixar na mão, rsrsrs.

  10. Sarita

    3 de agosto de 2010 em 15:16

    Clau ja fiz de tudo que vc escreveu e mais um pouco!

    Tenho ate agonia de lembrar!

    Beijos

  11. Patricia Müller

    2 de agosto de 2010 em 21:02

    Nem sei por quantas situações deste gênero já passei na vida (muitas!), mas a mais recente foi falta de ler a embalagem do produto com atenção. Moro nos EUA e fico alucinada com os produtos de beleza aqui. Então sempre estou testando coisas novas. Inventei de experimentar um shampoo novo da Pantene que tinha saído (e até tinha visto várias recomendações online), mas não me atentei ao fato de que era pra cabelo afro (e, verdade seja dita, na própria embalagem, essa informação estava em letras pequenas).

    Bem… Já lavando o cabelo, comecei a sentir algo que parecia cêra. O cabelo começou a grudar. Pensei comigo: "Bem, na hora de secar, isso vai sumir". Saí do banho, deixei o cabelo secar e quanto mais secava, mais encerado ficava. Sem brincadeira, mesma coisa que tivesse passado vela em todos os fios do cabelo. E meu cabelo pe comprido, quase chegando na cintura.

    Entrei de novo no banho pra tentar tirar aquilo. O pânico coomeçou a bater quando depois de 2 lavadas o negócio persistia. Nessas horas é que minha obsessão por cosméticos valeu a pena: eu tinha VÁRIOS tipos de shampoo em casa, passei praticamente TODOS, incluindo anti-resíduo.

    Resumo da ópera: levou 9 lavagens pra tirar a gororoba dos fios e o que, por fim, terminou de tirar tudo, foi o shampoo do marido, dos mais baratos que tem aqui (cheiro delicioso, mas tira TODO o óleo natural dos fios, deixa o cabelo detonado). Mas, pelo menos tirou. E aí, foram bem umas 2 semanas usando máscaras de hidratação da Pantene pro cabelo voltar ao normal. Baita sufoco e baita susto!! hehe

    Com relação às receitas caseiras, eu uso várias ainda que realmente funcionam bem. Esfoliante caseiro é um bom exemplo, faço um aqui com açúcar (branco ou mascavo) e azeite de oliva às vezes acrescento um gel de banho hidratante na mistura pra facilitar a aplicação) que deixa a pele das mãos uma verdadeira seda. Mas precisa mesmo separar o joio do trigo, tem umas receitas caseiras que são mesmo receitas de desastre certo,

  12. Bsbruna

    2 de agosto de 2010 em 20:43

    Ótimo post, Clau…

    Cometi vários delitos já… o que mais me arrependo são as sobrancelhas torturadas by myself há alguns anos… eu tirava demais!!! No 1o encontrinho que fui aqui em Bsb peguei a opinião da Dany Mesquita e deixei engrossar… melhorou demais a aparência das pálpebras encobertas! Outra coisa é minha memória de eleitor burro… esqueço e volto em cabeleireiro que já me decepcionou cortando o cabelo no passado…

    =/

  13. Lu

    2 de agosto de 2010 em 20:06

    Adorei o post, Clau!

    Deixa ver o q lembro:

    -meu cabelo na infância era super liso, mas no início da puberdade deu a louca nele e começou a nascer ondulado. Foi justamente nessa época que eu e minhas amigas queríamos todas ser paquitas e TODAS cortamos franjinha. MInha mãe avisou, eu insisti chorando "mas tá todo mundo cortando, mãe" e ela cortou. Resultado? Um ano usando arco da Pakalolo até a merda da franja crescer!

    -amigos me chamaram pra ir pro clube em cima da hora. Corri na depiladora antes de ir pra piscina e depilei perna inteira, virilha e BUÇO! Mesmo passando filtro a perna manchou toda (já sumiu), mas o buço… eu luto até hoje com um melasma que vive querendo voltar. Meninas, NUNCA peguem sol no rosto, principalmente após a depilação.

    -o último mico que lembro foi antes de viajar. Saí tosca em todas as fotos por causa dele. Fui depilar a perna naquelas franquias que usam cera quente de uma vez só do tornozelo até a virilha, sabe como? Aí, estava precisando fazer a sobrancelha e resolvi aproveitar q já estava ali e cometi o maior erro dos últimos tempos! A maldita da depiladora me deixou com a sobrancelha mega fina (que odeio!!!) Nunca mais!

  14. Luiza May

    2 de agosto de 2010 em 17:05

    Adorei o post!! Mas olha, eu já fiz permanete de cílios várias vezes e ficou ótimo!!! Pena que só dura poucos meses!!

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:43

      Luiza,
      Tem gente que faz o permanente e ama. Para os meus cílios não foi o melhor.

      Bjs

  15. Helga

    2 de agosto de 2010 em 15:36

    Agora vc me fez lembrar de vários micos Clau!!

    -Óleo de uva e fazer luzes em casa ,deixar creme no cabelo ,ja fiz muuuuuuito

    -Usar pasta de dente para secar as espinhas

    -Passar leite e chá de camomila e ficar horas no sol para clarear o cabelo

    -Usar aquele saquinhos de bronzeador de beterraba (eu sou branca como leite)

    -Cortar a franja em casa,eu sei que tem gente que sabe e tem talento para isso,mas definitivamente eu não rsrsr sempre ficava parecendo um indio com a franja reta e bem curta

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:39

      Bronzeador de beterraba, atire a primeira pedra quem nunca se sentiu pelo menos tentada a usar…hahaha

      E cortar a franja também.

      Eu quando era criança cortei com tesourinha de escola aquele V que algumas pessoas tem na raiz do cabelo, porque estava deixando a franja crescer e ficava sempre aquela mecha sem prender.

      Conclusão: um redemoinho nesse lugar, que nunca mais me deixou. O cabelo nessa área simplesmente não cresce como o resto do cabelo, fica sempre aquele pouquinho de tamanho nenhum…

      Bjs

  16. Vivi

    2 de agosto de 2010 em 13:04

    Nossa! já cometi a maioria desses micos, esse de deixar creme no cabelo era inclusive recomendado pelos cabeleireiros hahahaha.

  17. Sofia

    2 de agosto de 2010 em 13:04

    Olha, concordo com a maioria, mas acho que a questão da maquiagem feita com o dedo não tenha o efeito de uma maquiagem feita com o pincel! Mesmo porque, a Pat McGrath faz TU-DO com os dedos e suas makes não devem nada aos pinceis!

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:38

      Oi Sofia,

      Ah mas a Pat McGrath é a Pat McGrath, um daqueles poucos talentos que podem tudo…
      Não é à toa que ela tem o status que tem.

      Bjs

  18. Marcela Flores

    2 de agosto de 2010 em 12:55

    Adorei o post!!!

    Vc está se superando, Clau. Uma matéria melhor do que a outra.

    Parabéns!!

    Bjs.

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:37

      Obrigada, Marcela!

      Bjs

  19. Vanessa Lima

    2 de agosto de 2010 em 12:34

    Das besteiras que já fiz:

    *Usar creme Nívea e Hipoglos para cicatrizar a pele queimada de sol: resolveu para a queimadura, mas ganhei trocentas espinhas no rosto e ombros!

    *Pomada Minâncora para secar cravos do nariz: nariz vermelho, pele fina e quebradiça.

    *Maquiagem de origem duvidosa: reação alérgica e descamação nas pálpebras (tinha uns 13 anos… rs)

    *Decapagem nos cabelos em casa: ganhei meu primeiro corte químico.

    *Depilar as sobrancelhas até não poder mais, usava um fiozinho atrás do outro… : ganhei falhas que me perseguem até hoje, com a sobrancelha acertada e mais grossa.

    *Banho de milho: eu costumo chamar os preparados que a gente faz em casa, passa no cabelo e fica uma espiga! Duro, seco, afe…

    *alisamento com Lisabel na franja: ficou lisa, fato, nunca mais vi daquele jeito, mas e o cheiro que me perseguiu por meses?

    Agora, em salão também já fizeram muita m*** …

    *No Jacques Janine tiraram tanto minha sobrancelha que ficou super mega fina. Ganhei 2metros de pálpebra!

    *Em um salão fiz as luzes, lindo, na hora de retocar avisei pra ele: nada de ox de 40, ele está frágil e não vai aguentar. Não descolore todas essas mechas, ele não vai abrir a cor e vai quebrar. Batata, corte químico que está aqui até hoje, usei um pote de Absolut Repair, trocentos de Pantene, e estou finalizando um Morroccan. Que tal?

    *Já fiz unhas em salão e saí com os 20 dedos beliscados.

    Hoje pinto os cabelos em casa, não estou mais loira então fica mais fácil. Acho mais seguro eu mesma cuidar dele, e inclusive o corte eu mesma que faço! Nunca gostei tanto do meu cabelo, e acho que é isso o que realmente importa né?

    Unhas, não adianta. Eu faço melhor (para o meu gosto) do que todos os lugares que já fui. Exceto um salãozinho simples de tudo em Monte Alegre do Sul que apelei num dia que estava sem minhas coisinhas, adorei. A melhor (e única) manicure, perfeita!

    Sobrancelha eu estudei muito, técnicas e principalmente o que funcionava para o meu rosto. Já fui em algumas designers acompanhando pessoas e sempre elogiam o formato, se surpreendem quando digo que eu mesma tirei, porque estão perfeitamente alinhadas (palavras delas!).

    Acho que é isso… se bem que tem gente que nasce com dois braços esquerdos, aí é melhor confiar no profissional mesmo, eu prefiro ainda fazer algumas coisas em casa…

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:36

      Dessas coisas todas que você faz, Van só mesmo hidratação e unhas.
      Tintura uso a mesma há anos, depois que um colorista analisou meu tom de pele e chegou nessa cor que uso hoje. Acho que combina comigo e é de fácil manutenção.

      To rindo do alisabel…hahahaa

      Bjs

    2. Lu

      2 de agosto de 2010 em 20:38

      A Van é suspeita, pô!

      Acho que ela só não faz notas de dólar, o resto ela faz tudo! Ô moça talentosa!

  20. Adriana Araujo

    2 de agosto de 2010 em 12:31

    Olá…

    Micos é coisa triste, né???

    Os meus micos mais chocantes, foi uma cabelereira doida que eu frequentava e quis fazer luzes… eu disse luzes… fiquei loira… rsrs… Um choque quando olhei no espelho… rsrs… Só resolveu com o tempo…

    Outra foi eu inventar de fazer sobrancelha com outra pessoa e ela quis afinar demais e arquear muito a sobrancelha… ela dizia… vai ficar igual às moças da TV… Arrenpedi horrores e nunca mais mudo… rsrs

    Beijos

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:33

      Oi Adriana,
      Não tem coisa pior que profissional que erra. E quando você paga caro? Dá uma raiva!

      Isso de profissional querer afinar as sobrancelhas é o que mais tem. Já fui vítima e a mulher teimava comigo que meu rosto precisava de sobrancelha mais fina…

      Bjs

  21. Luciana

    2 de agosto de 2010 em 12:15

    Oi Clau, alguns dos seus micos eu já fiz, mas acho que o pior foi passar coca-cola pra bronzear, coisa de adolescente doida né?!, ainda bem que já passou essa fase, hahaha

    Bjs

  22. Esther

    2 de agosto de 2010 em 10:49

    Acho que isso de procurar ou não um proifissional é uma coisa a ser analisada caso a caso, POr exemplo, não gosto de fazer as unhas em salão, então se tiver tempo, faço-as eu mesma. Já reparei que nunca lixam as n]unhas como eu gosto, eu prefiro sempre usar unhas duas ou três lixas diferentes pra que o acabamento fique beeeem lisinho, sabe?!

    Com cabelo (e até com pele) eu já fiz muitas barbeiragens, confesso (adolescente é complicado memso), mas foi há anos, mas nunca usei nada que tenha feito mal não, ´nesse aspecto, exceto deixar um pouco de creme no cabelo, todo o resto era bem inofencivo, como usar aveia e açúcar pra esfoliar o rosto…

    Beijos

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:31

      Esther, quanto às unhas eu concordo. Muita gente faz suas unhas melhor que muitas manicures.
      Só faço em salão porque a minha manicure é ótima.
      Quando morei no RS, não achei nenhuma que fizesse a unha como eu gostava e passei eu mesma a fazê-la. Só voltei a fazer em salão no ano passado.

      Bjs

  23. Marisa

    2 de agosto de 2010 em 10:45

    Eu deixei a cabeleireira descolorar o meu cabelo DUAS vezes para poder fazer madeixas azuis. Oh god!

    Os cabelos ficaram "um pouco" secos

  24. Nath Pimentel

    2 de agosto de 2010 em 10:44

    Clau, eu sempre tive medo dessas receitas milagrosas, entao acho q o único mico de beleza que paguei foi pegar sol para "cicatrizar" as espinhas do rosto.

  25. Kárin

    2 de agosto de 2010 em 09:41

    Meu cabelo natural é castanho escuro e eu sempre quis ser loira. Misturei água oxigenada, descolorante em pó, e esperei. Terminei com o cabelo LARANJA, fiquei a cara do David Bowie. E ressecado como uma palha. Precisei usar vários tubos de tintura loira pra tentar uniformizar a coisa e quilos de máscara de hidratação.

    Hoje pinto de vermelho em casa e essa cor é mais tranquila, não costuma dar tanta mancha como as tintas amarelas ou os descolorantes. Mas se me der "aloka" e quiser virar loira de novo, vou recorrer a um salão.

  26. Raquel Vieira

    2 de agosto de 2010 em 09:36

    ahahahahah que comedia 🙂 Me indentifico com muitos dos seus micos 🙂 Adorei este post!!!!

  27. virginia

    2 de agosto de 2010 em 07:41

    ai meu Deus!!!eu tbm ja fiz muiiita coisa…ja dei de Cristiano ronaldo( mas eu sou brancaaaaaaa) imagina e ainda misturava com coca cola, é gente, sou antiguinha rsrsrs…mas essa permanente de cilios,.desculpem considero enganaç~]ao mesmo…so gastei dinheiro e meus cilios continuaram na mesma…bom talvez o problema esteja comigo mesmo mas a sensação de ter sido enganada ficou rsrsrs. agora preciso te agradecer..sabe que eu estava pensando seriamente em fazer alguma luzes em casa?? ui!! ainda bem que li antes rsrsrsrsrs

    beijossssssssssssssssssssssssss

    fique com Deus.

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:29

      Minha mãe é a pessoa que mais fez (se ainda não faz) barbaridades a la Cristiano Ronaldo para ficar bronzeada.
      Digo à ela que Deus é muito bom, porque não sei como ela nunca teve nada pior que manchas.

      Mas eu acho que toda pessoa uma vez na vida já usou óleo "podrão" para ficar suuuper bronzeada.
      Eu adorava ficar torrada no sol, até que há uns 8 anos atrás eu usei um bronzeador Banana Boat que quase me deu insolação.
      Nunca mais.

  28. Valéria Ferna

    2 de agosto de 2010 em 07:31

    Na minha adolescência, passava tudo, eu disse tudo o q me falassem q era bom para cabelo cacheado/seco. Abacate, leite, mel, leite com mel, babosa… Enfim, era tanta lambança e nada de resultado. Mas nunca estragou.

    Besteira eu fiz qdo resolvi acreditar numa cabeleireira, e fiz uma tal touca de gesso. Meu Deus, saí do salão com o cabelo todo alisado, quebrado, acabado mesmo! E eu tinha uns 14 anos! A solução foi ir a outro salão e cortar o máximo possível, pra crescer mais saudável.

    Agora faz um bom tempo q não dou uma bobeira dessas!

    Bjos

  29. Mika

    2 de agosto de 2010 em 07:22

    ahaahahhahah

    essa foi boa! Lendo seu post assim, me faz lembrar tanta coisa no passado (nem tanto). Corte e coloração que já pior bagunça no meu cabelos nas mãos de alguém que não sabe fazer direito, nossa, já sofri com isso e hoje tomo maior cuidado para não estragar novamente (ufa!meu cabelo está lindo do jeito que eu amo mas falta hidratação reforçado no salão especializado). Mexer na sombracelha foi um estrago (sem comentários, uf) mas consegui normalizar que agora falta um profissional fazer. Na época não conhecia a tal "maquaigem' que unica coisa que usava era uma sombra, lápis para olhos e gloss e só (vixi), entao, depois comecei comprar as coisas de maquiagem e aprendendo e por aí vai, belo dia lá vai eu indo ao trabalho com cara bem pintada de balada e o pior pessoal comentando da minha maquiagem (aff! nunca mais faço isso) que hoje faço de tudo para estar discretadissima onde ninguem perceba (claro, né!) ahahahahahah

    Já usei cremes que não era adequado para minha pele, me bronzear exagerada só pra deixar bem marquinha e depois dizem que não me reconheceu (é mole?!) nunca mais!alias depois que soube que sol prejudica nossa pele e envelhece, vixi, só ando com bloqueador.ahahahaha

    Agora as dietas são unicas coisas que mais odeio nisso pq fiquei traumatizada por causa da minha mãe que é viciada em dietas e formulas, engordei muito por causa das formulas que não era adequada na minha idade (15 anos, hormonios naturais) que achou deveria emagrecer e a partir dai piorou tudo. Hoje nao tomo formulas e nem dietas pq já faço alimentação regulares normal que me faz bem.ahahahaah….acho que é só por enquanto até onde lembro…ahahaah

    beijooos

    1. Clau

      2 de agosto de 2010 em 18:25

      Mika: Sobrancelha em casa. Vai pro post.
      Já fiz isso e tenho uma falha nas sobrancelhas que nunca mais foi coberta…

  30. Mii

    2 de agosto de 2010 em 06:58

    Uma prima minha passou óleo bonzeador no corpo E no rosto e ficou com umas manchas terríveis. Até hoje (o ocorrido aconteceu em 2001) ela faz tratamento com laser pra ver se volta ao normal.

    Não uso e não recomendo NUNCA!

    beijos!

  31. viviane tassi brabos

    2 de agosto de 2010 em 06:41

    Nossa Clau, vc falando assim, me veio tanto mico que já cometi,kkkk, dá até medo de lembrar,kkkk.

    Bjo

    ótima semana

  32. Ana G.

    2 de agosto de 2010 em 06:39

    Compartilho o mico de fazer luzes em casa, durante alguns anos tinha essa mania. Demorou muito pra eu me convencer que o cabelo estava horrivel e que precisava procurar um bom salão urgentemente. Hoje nada mais de soluções caseiras. Sempre procuro um profissional.

Deixe sua opinião ou comentário