Posts

Primers Porefessional e That Gal, Benefit

 

Desde que a dona da Benefit disse que usa esses dois primers juntos para um efeito de pele incrível, várias pessoas ficaram curiosas para testá-los. Como curiosidade deveria ser um dos meus sobrenomes (rs), tratei de encomendar logo a dupla.

Ainda pedi os dois na versão menorzinha, para testar, nesse kit aqui.

[Porque curiosidade poderia ser um dos meus sobrenomes, mas cética também poderia ser outro…]

Só que, no dia que fui buscar minhas encomendas, a Pore Minimizer também tinha pego uma dupla dessas para testar e acabou me incentivando a experimentá-los, dizendo que tinha certeza que eu levaria os dois em tamanho maior ao invés da versão menor.

Ela tinha razão…

Vou explicar então como é e o efeito prometido (e cumprido ou não) de cada um, separadamente, depois dos dois juntos.

1- Porefessional:

O que é?

Primer (produto pré maquiagem), que inimiza rapidamente a aparência dos poros. 

Cobertura translúcida e uma pele ultramacia – “POREfeita!”. Poros… Antes você os via, agora você não os vê! Possui um acabamento sedoso e suave.

Para usar sob a maquiagem, aplique na pele limpa e levemente hidratada. Pontilhe sobre as regiões problemáticas e espalhe com a ponta do dedo.

Para usar sobre a maquiagem, pontilhe levemente sobre a maquiagem e espalhe.

Dicas:
Mantenha o POREfessional dentro da sua bolsa para retoques ao longo do dia.

Embalagem com 22 ml

Preço: R$ 117 (Brasil) U$ 29 (exterior)

Fonte: Sacks/Sephora

 

Porefessional no detalhe:

  

Ele é uma espécie de gel-creme, como vários “matificantes” que vemos por aí. A diferença dele para os outros que já usei é que ele é menos denso, mais fácil de espalhar e não dá aquela sensação de ficar sobre a sua pele apenas.

A sensação é que a pele absorve o produto, o disfarce não fica “só por cima”, como acontece com o Pore Minimizer (Clinique) ou até mesmo do Blu-Ray (Cargo), um dos matificantes mais “power” que já testei.

[A prova disso é que se você usar um destes, especialmente o Pore Minimizer, e aplicar base com uma esponja, arrastando sobre a pele, você verá os resíduos do matificante na esponja]

Teste prático:

Sei que isso de mostrar poros em fotos é meio nojento, então tentei dar o máximo de dignidade possível a este momento tenso…

  

Antes e depois

Bom o efeito, né?

Antes de ver as fotos, assim de perto, nem eu mesma tinha me dado conta que ele disfarçava os poros tão bem.

Lembrando que este tipo de produto tem que ser aplicado dando batidinhas no rosto e não deslizando sobre pele.

Avaliação geral:

É um bom matificante . Na pele, espalha mais fácil que outros que testei e o efeito é um matte natural, sem ser aquele super opaco.

A durabilidade não é muito grande, principalmente se o que você usar por cima não for de efeito matificante também.

Quem tem pele oleosa e mora em locais abafados, com certeza achará que tem matificante mais eficaz que este (ex.: Mary Kay)

Em compensação achei que deixa a pele bonita, mais lisinha, sem dar um efeito “over matte”, artificial.

 

That Gal: 

 

O que é?

 

Primer (produto pré maquiagem), rosado, que deixa a pele mais macia e iluminada. 

Use-o sozinho para uma pele radiante e natural, ou antes da maquiagem para uma aplicação mais fácil e suave.

E mais! Você pode reaplicá-lo durante o dia para dar aquela reanimada no rosto.

Gire a base até que saia uma quantidade adequada do primer no topo. Aplique com a ponta dos dedos sobre o rosto. Espalhe sua textura sedosa com movimentos circulares ascendentes.

Embalagem com 22 ml

Preço: R$ 125 (Brasil) U$ 29 (exterior)

Fonte: Sacks/Sephora

 

That Gal no detalhe:

  

É um creme rosadinho, de textura bem leve, que deixa a pele aveludada e naturalmente iluminada.

A pele absorve o produto rapidamente e não fica pegajosa nem com aparência oleosa. É como se desse um “up” na pele, mas nada de extraordinariamente visível ou espetacular (tipo, rejuvenesci uns anos…rs)

 

Tentativa de mostrar o efeito na pele:

A pele está levemente mais clara e uniforme.

 

Avaliação Geral:

Não esperem milagre nem um efeito absurdamente visível deste produto. Diria que ele é mais um “uniformizador de pele” que um primer em si.

Dá uma aparência hidratada e iluminada leve, mas não deixa aparência oleosa.

Se usar uma base leve e que não seja matificante, a oleosidade aparece depois de algumas horas.

Gosto bastante de usá-lo na área dos olhos, porque ele dá uma leve clareada, uma hidratada leve, facilitando o trabalho do corretivo e fazendo com que ele deslize melhor.

Tenho certeza que na época da seca gostarei bem mais deste produto sozinho que agora (época mais úmida do ano), porque ele dará uma aparência hidratada, porém leve.

 

Porefessional e That Gal juntos:

Dica dada por Annie Ford, filha de uma das criadoras da Benefit, quando esteve no Brasil para o lançamento da marca:

Misturar em partes iguais Porefessional + That Gal e aplicar no rosto, para um efeito de pele linda, homogênea e mais radiante, luminosa.

Quantidade que eu uso:

Porefessional (esquerda) That Gal (direita)

Misturo estas duas partes e aplico no rosto todo, como se fosse um hidratante ou primer.

Em seguida,  dou batidinhas com as pontas dos dedos na zona T, para dar um acabamento mais matte onde os poros e oleosidade são mais evidentes.

 

Efeito dos dois na pele:

No vídeo de Comprinhas de Novembro dá para ver exatamente o efeito deles na pele, melhor que em qualquer foto que pudesse tirar.

Usei a Matchmaster, mas como ela é uma base que é “quase nada” em mim, o efeito pele uniforme e matte sem exagero vem da dupla de primers da Benefit.

 

Avaliação Geral dos dois produtos juntos:

Separados, não são surpreendentes, mas juntos são ótimos! Parece até que foram feitos para serem usados assim.

Deixam a pele bonita, sequinha, uniforme, saudavelmente iluminada, com aparência limpa e fresca, tudo sem exagero.

A durabilidade do efeito dos dois produtos juntos é bem maior que quando usados separados. Se usar uma base mais matificante, então, o efeito dura o dia inteiro (pelo menos em mim).

A vantagem de usar os dois em conjunto é que, se você quer mais efeito matte, aumente a proporção do Porefessional. Se quer um up maior na pele e uma leve aveludada, coloque o That Gal em maior proporção. Você pode adaptar o efeito ao que sua pele precisa.

Acho esse combo ótimo para o dia a dia, porque corrige e homogeneiza a pele de maneira natural, sem deixar aquele aspecto “super construído”.

Você pode usá-los com uma base mais matificante, leve ou com mais cobertura que o efeito fica sempre bonito.

Para a noite, ainda prefiro um primer tradicional (amo o da Inglot). Mas se quero uma produção mais leve e natural, é neles que aposto.

Alguma de vocês já testou estes primers?

 

6 Comentários

  1. janaina

    24 de julho de 2012 em 10:35

    olá Clau,
    Adoro seu blog, Parabéns.
    Teno uma dúvida qto ao that gal. Eu comprei ele e o bb cream da loreal, sabe me dizer qual a sequencia que devo utilizar. ? Obrigada, bjao

    1. Clau Melo

      24 de julho de 2012 em 11:21

      Oi Janaína,
      Primeiro o That Gal e, depois de absorvido, o BB Cream.

      Bjs

  2. Maria Alice

    30 de maio de 2012 em 01:44

    Eu tenho os dois mas tenho uma dúvida: o protetor solar vem antes ou depois?E se o protetor for com cor como da shiseido como faz?Beijos e tô amando as dicas!!!!

    1. Clau Melo

      30 de maio de 2012 em 10:40

      Maria Alice,
      Depende. Se você usa o protetor no lugar da base e usa os dois primers juntos, use-os antes do protetor.
      Se só usa o Porefessional e quer matificar a pele, use o Benefit depois do protetor.

      Bjs e que bom que as dicas estão sendo úteis

  3. Bianca Martins

    22 de dezembro de 2011 em 05:41

    Oi Clau, eu comprei esse kit em miniatura para testar, logo quando veio o burburinho de benefit no Brasil. o that gal não achei nada demais, mas o PORE realmente é muito bom, os poros ficam bem fechadinhos, mas por esse valor ainda prefiro o PORELESS da Too faced, esse foi uma dica da Camila Coutinho do GE, e realmente ele é perfeito, melhor detodos, você já testou?

    bjus

    Bia.

  4. Pri T Cruz

    21 de dezembro de 2011 em 07:55

    Oi Clau, eu tenho o porefessional, mas não tenho o That gal, então fiz uma experiência com um iluminador da mesma marca High beam e gostei bastante do resultado, tanto que estou pedindo para um amigo trazer de viagem o original that gal.

    Beijos.

Deixe sua opinião ou comentário